Por Agência Assembleia
21/05/2019 - 20:05:25 - atualizado em 24/05/2019 às 15:40:07

Presidente Kaká Barbosa garante espaço para que a Frente Parlamentar possa atender as demandas 

06

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Kaká Barbosa (PR), garantiu as deputadas da Frente Parlamentar pela Prevenção da Violência contra a Mulher e Redução do Feminicídio o suporte necessário para a concretização das atividades. Um deles será o espaço para que a Frente possa atender as demandas que venham a surgir. A informação foi dada as parlamentares em encontro com o chefe da Casa de Leis, no prédio anexo, no Buritizal. ?O espaço será providenciado e também firmaremos um termo de cooperação com entidades que prestam atendimento com psicológicos e assistente social?, afirmou.

"A notícia dada pelo presidente fortalece a Frente e aumenta a nossa responsabilidade em desenvolver ações que possam garantir a mulher a possibilidade de seguir em frente e ter uma vida melhor; sabemosda importância do nosso trabalho e o como podemos contribuir com os demais órgãos que lutam contra o feminicídio", discursou a coordenadora da Frente, deputada Cristina Almeida (PSB), sem esquecer a questão da violência doméstica.

"Estamos autorizadas a buscar parcerias com os Capuchinhos, que conta com psicólogos; com o próprio Tribunal de Justiça, entre outras instituições para que a gente possa fazer essa aproximação e atender a mulher com o que ela mais necessita: o jurídico, o assistente social e o psicólogo", ressalta a coordenadora.

As deputadas Edna Auzier (PSD), Aldilene Souza (PPL) e Telma Ney (PSDB), que também integram a Frente, estiveram presentes no encontro. As parlamentares apresentaram ao presidente o plano de ação que vem sendo trabalhado e como a Frente pretende desenvolver a campanha "Educar para Combater o Feminicídio".

Uma das ferramentas é a elaboração de cartilhas para serem distribuídas nas escolas e instituições visitadas, para melhor resultado na promoção de eventos, estudos, debates, projetos e ações relacionadas à prevenção da violência contra as mulheres e a redução do feminicídio, baseado na Lei Maria da Penha.

Fotos: Gerson Barbosa

Facebook Twitter Google+ Email Addthis
DEPUTADOS