30/05/2019 - 16:16:49 - atualizado em 10/12/2019 às 10:57:08

CRE discute aumento do policiamento brasileiro na fronteira Brasil-Guiana Francesa

02

O tema foi amplamente discutido durante a reunião da Comissão de Relações Exteriores e Defesa do Estado (CRE) da Assembleia Legislativa. A inclusão foi solicitada por intermédio de oficio encaminhado ao Ministro das Relações Exteriores, embaixador Ernesto Henrique Fraga Araújo, no sentido de nomear um representante da Policia Rodoviária Federal (PRF), para fazer parte do Centro de Cooperação Policial (CPP) em Saint Georges de I?Oyapock, na Guiana Francesa.

?Dessa forma possamos aumentar a participação das forças policiais na região, com o intuito de fortalecer e ampliar o fluxo de informações e o combate aos ilícitos na fronteira entre as cidades gêmeas de Oiapoque (Brasil) e Saint-Georges (França)?, defende a deputada Cristina Almeida (PSB), presidente da comissão.

Para a presidente da CRE, a inclusão da PRF no CPP representa um grande avanço para o fortalecimento da segurança na região de fronteira. ?Havia a necessidade da integração da PRF aos demais órgãos na fronteira para fortalecer o trabalho da segurança pública", sustentou. "Foi no sentido de apresentar o agente da PRF, Marcelo Marra, que se colocou à disposição para que a gente possa trocar informações e eu tenho certeza que a comunidade de Oiapoque irá ganhar muito com isso, assim, também, como toda a comunidade do Platô das Guianas?, destacou.

Durante a reunião com a presença do deputado Dr. Jaci (MDB), o deputado Paulinho Ramos (PR), colocou em discussão a questão dos motoristas brasileiros que estão sendo impedidos de passar na ponte Binacional, para Saint-Georges, a primeira cidade francesa do outro lado do rio Oiapoque, por não aceitarem a Carteira de Nacional de Habilitação (CNH) do Brasil.

De 2 mil carros que cruzam a ponte, apenas dez são brasileiros com a CNH nacional. ?Em tese, o acordo de reciprocidade entre Brasil e a Guiana não obriga o motorista brasileiro a apresentar a CNH internacional. Na prática, não está sendo cumprido?, destacou o deputado Paulinho Ramos, solicitando da comissão, que essa discussão seja inclusa na agenda a ser discutida durante a Reunião da Comissão Mista de Cooperação Transfronteiriça Brasil-França, que acontecerá nos dias 03 e 04 de julho deste ano.


Texto: Everlando Mathias
Fotos: Gerson Barbosa

Facebook Twitter Google+ Email Addthis
DEPUTADOS