19/06/2019 - 18:47:41 - atualizado em 19/06/2019 às 18:48:30

Possibilidade de alteração na lei estadual de cotas pode incluir indígenas

01

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Kaká Barbosa (PR), solicitou a Diretoria Legislativa para que seja estudada a possibilidade de incluir os indígenas na lei estadual que garante aos negros cota de 5% das vagas, em concursos públicos. A requisição foi durante o encontro com a secretária Extraordinária dos Povos Indígenas, Eclemilda Macial, e parlamentares, ocorrido na manhã desta terça-feira (18/6/2019), no plenário da Casa.

"Rrecebemos a secretária e ela nos fez esse apelo, uma vez que a lei que garante cota aos negros e não contempla os indígenas. Nós entendemos a reivindicação e vamos estudar esta possibilidade, por meio de uma emenda, assinada pelos deputados, para alterar a lei e contemplar o indígena", explicou o presidente da Assembleia.

Para a titular da pasta, Eclemilda Macial, a iniciativa do chefe da Casa de Leis, deputado Kaká Barbosa e dos demais parlamentares é muito positiva . Ela deixou o plenário satisfeita e com a expectativa de que a comunidade indígena que pretende seguir carreira como servidor público, poderá obter essa vitória .

"Entendemos que é um direito nosso e o melhor foi receber o aceno positivo do parlamento estadual, isso é uma clara demonstração de que aqui nesta Casa a cor partidária não prevalece e sim a vontade em atender, dentro da legalidade, os anseios da população seja a branca, preta ou indígena", destacou. "Saio contente com tudo o que eu ouvi e me senti totalmente amparada por todos, pois o discurso foi universal e isso nos anima para mais esta conquista", complementa.

Agora a corrida é contra o tempo para que a Diretoria Legislativa consiga apresentar a emenda dentro de um prazo plausível para que o parlamento possa apreciar. Este mês, o presidente homologou o projeto básico para a realização do curso.

Foto:

Facebook Twitter Google+ Email Addthis
DEPUTADOS