Por Eloisy Santos
25/06/2019 - 16:09:56 - atualizado em 25/06/2019 às 16:11:42

Cinemas em Macapá são provocados a realizar "Sessões Azuis" inclusivas a autistas

09


Indicações da deputada estadual Marilia Góes (PDT) à presidência da Assembleia Legislativa do Amapá (Alap), sugerem que sejam enviados expedientes aos cinemas que atuam em Macapá, para que incluam em seus cronogramas "Sessões Azuis", inclusivas e adaptadas a autistas e seus familiares. 

A parlamentar ressaltou que o cotidiano de autistas e de suas famílias precisam ser adaptadas à neurodiversidade típica do transtorno. E exemplificou que assistir a um filme no cinema é um dos muitos desafios que essas pessoas enfrentam na área do lazer.

"Adaptações em som, luz, acolhimento diferenciado e conforto aos autistas e familiares fazem toda a diferença para proporcionar um momento de lazer, inclusão e entretenimento a esse público. Sabemos o quanto eles precisam e merecem", frisou a deputada Marilia.

Ela acrescentou que, em sessões comuns, autistas e familiares ficam sucetíveis a constrangimentos praticados por quem desconhece o transtorno e suas peculiaridades. 

"No decorrer desses anos trabalhando com autismo, conhecemos melhor essas peculiaridades, mantemos escutas ativas com as famílias, e a criação da sessão azul vem para atendê-los com maior qualidade", reforçou a parlamentar. 

O mandato da deputada já articula para o dia 27 de junho, pela manhã, uma Sessão Azul no Moviecom (Macapá Shopping), para o filme Aladim.


Fotos: Ruan Alves

Facebook Twitter Google+ Email Addthis
DEPUTADOS