Por Everlando Mathias
02/07/2019 - 17:55:52 - atualizado em 02/07/2019 às 17:56:18

Frente Parlamentar pela Prevenção da Violência contra a Mulher leva demanda ao delegado geral de Polícia Civil

02

Durante o lançamento da campanha "Educar para Combater o Feminicídio", no município de Itaubal, ação a ser realizada em todos os municipios pela Frente Parlamentar de Prevenção da Violência contra a Mulher e Redução do Feminicídio da Assembleia Legislativa, coordenada pelas deputadas Cristina Almeida (PSB) e Edna Auzier (PSD), coordenadora e vice da Frente Parlamentar, foi constatado a necessidade da instalação de uma delegacia de Polícia Civil no município.

Em reunião realizada na manhã desta terça-feira (02/7/2019), no gabinete do delegado geral de Polícia Civil, Uberlândio Gomes, as deputadas em companhia do prefeito José Serafim e vereadores de Itaubal, ouviram do delegado que a solicitação será encaminhada a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sejusp) e ao governador do Amapá, Antonio Waldez Góes (PDT), para que juntos possam estudar a viabilidade da construção ou locação de um imóvel para o funcionamento de uma unidade no município.

"Sabemos da dificuldade financeira que o Estado passa, mas olhamos com bons olhos a possibilidade de implantar uma delegacia, que possa atender o clamor da população de Itaubal", frisou o delegado Uberlandio Gomes.

De acordo com dados da Coordenadoria Municipal da Mulher, só este ano, foram atendidas 72 vítimas de violência doméstica. Além do órgão, casos de mulheres agredidas no município chegam ao conhecimento da Polícia Militar e de outras instituições de proteção situadas na capital amapaense.

Um novo encontro acontecerá no dia 17 deste mês, na prefeitura do município de Itaubal para concluir o processo. "Nós precisamos com urgência de uma delegacia da Polícia Civil no município", reforça a deputada Cristina Almeida, destacando que a cada segundo uma mulher é violentada no Brasil e o trabalho da frente é buscar parcerias institucionais, visando fortalecer a rede de proteção à mulher nos 16 municípios do estado.

"Esse trabalho mostra a preocupação do poder Legislativo estadual com esses casos absurdos que vêm ocorrendo no interior do Amapá. E Itaubal, infelizmente, está nessas estatísticas. Saímos confiantes quanto a viabilidade da instalação da delegacia de Polícia Civil no nosso município, assim daremos uma atenção maior para estes casos", disse o prefeito de Itaubal, José Serafim (PR).

Para a deputada Edna Auzier, a união do Executivo Estadual, Prefeitura de Itaubal e Assembleia Legislativa sinaliza para atender a reivindicação da população daquela cidade.

Facebook Twitter Google+ Email Addthis
DEPUTADOS