Por Everlando Mathias
02/10/2019 - 11:21:35 - atualizado em 02/10/2019 às 15:45:07

Termo de cooperação garantirá acolhimento para mulheres vítimas de violência doméstica

07

Em reunião realizada na terça-feira (01/10/2019), a Frente Parlamentar pela Prevenção da Violência contra a Mulher e pela Redução do Feminicidio e a Procuradoria da Mulher, ambas da Assembleia Legislativa, acenaram com a possibilidade de parceria com o Centro Religioso Fraternidade dos Frades Capuchinhos do Amapá, que prevê a cooperação mútua no acolhimento emergencial para mulheres em situação de violência doméstica que procuram a frente parlamentar e as delegacias especializadas.

05De acordo com a coordenadora da Frente Parlamentar, deputada Cristina Almeida (PSB), o projeto denominado ?Unindo Forças?, tem por finalidade reverter os indicadores de violência doméstica. O trabalho conjunto das entidades deve chegar a resultados mais efetivos no combate à violência doméstica.

?Precisamos de ações conjuntas para que as vítimas conheçam seus direitos. É preciso integrar as ações para prevenir esses crimes e dar a assistência adequada às vítimas?, frisou a deputada.

A coordenadora administrativa dos Capuchinhos, Maria Ivanete Campos Mendes e o diretor do centro religioso, Frei Carlos Pestana, elogiaram a iniciativa da Assembleia Legislativa, através da Frente Parlamentar e colocaram-se à disposição para o atendimento com o corpo técnico dos Capuchinhos.

Durante a reunião, as deputadas Telma Gurgel (Podemos), Telma Nery (PSDB), Alinne Serrão (DEM), que compõem a Frente Parlamentar e a Procuradoria da Mulher, Edna Auzier (PSD) e Aldilene Souza (PPL), apresentaram aos diretores dos Capuchinhos, as ações realizadas pela Frente nos últimos cinco meses.


Fotos: Gerson Barbosa

Facebook Twitter Google+ Email Addthis
DEPUTADOS