Por Everlando Mathias
26/05/2020 - 19:33:52 - atualizado em 02/06/2020 às 19:33:44

Segunda etapa da Campanha Legislativo Solidário vai entregar 3,453mil cestas as famílias em vulnerabilidade social

01

A Assembleia Legislativa do Amapá (Alap) realiza até o fim da primeira semana de junho, a segunda etapa de distribuição de cestas básicas para famílias em vulnerabilidade social provocada pela pandemia do novo coronavírus. A entrega das 3,453 mil cestas de alimentos faz parte da campanha ?Legislativo Solidário? e está sendo feita, novamente, pelo Exército Brasileiro.

O chefe do Gabinete Civil do Legislativo, Antônio Aparecido da Silva, lembrou que as entregas serão feitas as mesmas entidades onde ocorreu a primeira etapa, quando foram distribuídas 3,453 mil cestas. Ele também confirmou que as famílias a serem assistidas serão as mesmas e o cronograma de entrega já foi definido pelas instituições. "Por isso, não adianta ir até uma entidade tentar receber uma cesta se não estiver sido cadastrado antes", comunica.

Nesta segunda, foram entregues 1.833 cestas básicas em Macapá, Santana e Mazagão. Na capital, a força-tarefa montada pelo Éxercito iniciou os trabalhos pelo Sindicato dos Guias de Turismo do Amapá (Singetur), que recebeu 30 cestas. "Os guias de turismo foram afetados com essa paralização em decorrência do coronavírus", assegura o presidente do Singetur, Claudomir Fagundes.

Ao receber as 134 cestas de alimentos, o diretor administrativo da Apae/Macapá, Rogério Vinhas não conseguiu esconder a emoção de saber que famílias terão as situações minimizadas por conta dos alimentos que irão receber. "Agradecemos o Legislativo pela ação e estas cestas vêm no momento certo para minimizar o sofrimento das crianças atingidas pela pandemia", destacou Rogério Vinhas.

O centro de Obras Sociais da Diocese de Macapá, que atende cerca de 1.600 crianças nas quatro creches de Macapá e Santana, recebeu 400 cestas básicas. A coordenadora Geral das Obras Sociais, irmã Letícia Santa Brígida, contou a nossa equipe que na primeira etapa, as crianças se emocionavam com o recebimento das cestas. "Ao entregar as cestas básicas nas casas, muitas crianças se emocionaram, por não terem o que comer", revelou. "Parabenizamos a iniciativa dos parlamentares estaduais por garantir um pouco mais de dignidade a essas famílias", concluiu.

Nos Capuchinhos foram entregues 350 cestas. ?É gratificante ver a alegria no rosto das pessoas ao recebem as cestas?, revelou o Frei Carlos Pestana, parabenizando a ação solidária da Assembleia Legislativa.

As 130 cestas entregues no Lions Clube Macapá vão atender crianças de três a cinco anos de idade e matriculadas nas escolas mantidas pela instituição nos bairros Brasil Novo, São Lázaro e Perpétuo Socorro. "Veio em boa hora. É triste ver essas famílias e principalmente crianças passando por esse momento difícil", destacou Iria Lúcia Brasiliense Leite, presidente do Lions.

Receberam cestas de alimentos a Associação das Mulheres do Amapá, que atende mulheres ribeirinhas e vítimas de escalpelamento, 90; a ONG Carlos Daniel, 32; a Associação de Amigas e Mulheres Amapaenses Posithivas (Amaph), 174 cestas.

No município de Santana, distante 18 quilômetros de Macapá, foram distribuídas 393 cestas. O Lar Bethânia recebeu 88 cestas; a Associação A Nossa Família ficou com 122; a Apae com 53. A Casa da Hospitalidade recebeu 90 cestas básicas e a Associação Comunitária da Área Portuária, 40 cestas.

Fotos: Gerson Barbosa

Facebook Twitter Google+ Email Addthis
DEPUTADOS