Filtrar




Projeto de Lei Ordinária nº 0168/11-AL

Ver:

Ver:

Protocolado em:

10/10/2011 às 13:40:00

Autor:


Ementa:

Declara de Utilidade Pública no âmbito do Estado do Amapá o Centro Comunitário Maria Imaculada.


Leitura(s):

17/10/11

Status:

FINALIZADO

Votação:

Aprovado em 07/02/2012

Situação:

Sancionado

Enviado a sanção:

sob o ofício 0026/11-Seleg-AL em 09/02/2012

Legislação:

Último andamento:

30/04/2019 - Projeto de Lei Ordinária nº 1618, de 29/02/12 - Sancionado por CARLOS CAMILO GÓES CAPIBERIBE

Tramitação nas Comissões Técnicas

1º Tramitação na Comissão: CCJ-Comissão de Constituição, Justiça, Redação e Cidadania


Data de Encaminhamento:

Nº Ofício Enc.:

Tipo de Tramitação:

18/10/2011

3075/11-SELEG-AL

Tramitação Ordinária - 15 dias


Parecer nº:

Parecer:

Relator:

Relatório:

0244/11-CJR-AL

APROVA O PROJETO

Deputado Agnaldo Balieiro

Histórico do Processo

Ordem Data Descrição
13 30/04/2019 ás 09:25:35 Projeto de Lei Ordinária nº 1618, de 29/02/12 - Sancionado por CARLOS CAMILO GÓES CAPIBERIBE
12 13/03/2012 ás 16:48:21 Publicado no DOE sob nº 5176 em 29/02/2012
11 06/03/2012 ás 14:29:57 1618, de 29/02/12 - Sancionado por CARLOS CAMILO GÓES CAPIBERIBE
10 06/03/2012 ás 14:29:57 Publicado no DOE sob nº em 30/11/-0001
9 17/02/2012 ás 14:09:37 Proposição enviada para sanção do Governador sob o Ofício nº 0026/11-Seleg-AL de 09/02/2012
8 07/02/2012 ás 15:24:39 Incluído em pauta da 3ª sessão Ordinária do dia 08/02/2012 - Quarta-feira
7 07/02/2012 ás 14:54:48 Data de votação 07/02/2012
6 07/02/2012 ás 14:54:48 Situação de Votação: Aprovado
5 06/02/2012 ás 16:19:44 Incluído em pauta da 2ª sessão Ordináriado dia 07/02/2012 - Terça-feira
4 17/10/2011 ás 15:20:51 Enviado em Tramitação Ordinária para CJR - Comissão de Constituição, Justiça, Redação e Cidadania Ofício nº 3075/11-SELEG-AL de 18/10/2011
3 14/10/2011 ás 14:35:28 Incluído em pauta da 81ª sessão Ordinária do dia 17/10/2011 - Segunda-feira
2 10/10/2011 ás 16:11:29 Enviado para Diretoria Legislativa
1 10/10/2011 ás 16:11:15 Entrada no protocolo




DEPUTADOS